PRF apreende pasta base de cocaína avaliada em mais de R$ 500 mil em Lavrinhas

O material ilícito estava em uma mochila em um ônibus que seguia de Osasco para o Rio de Janeiro

03 09 2020   |   Por Jornalismo  |   08:38
Foto: Reprodução

Um homem, de 45 anos, foi detido e liberado na noite desta quarta-feira (2) após ser apontado como dono de uma mochila que transportava cinco tijolos de pasta base de cocaína na Rodovia Presidente Dutra, no trecho de Lavrinhas. A quantia do material ilícito está avaliada em mais de R$ 500 mil reais. O ônibus vistoriado seguia de Osasco, na grande São Paulo, para o Rio de Janeiro.

De acordo com a PRF (Polícia Rodoviária Federal) o caso aconteceu por volta das 18h45, em frente ao posto de guarda do órgão em Lavrinhas. Um ônibus foi parado em uma abordagem de rotina e as malas dos passageiros foram vistoriadas. No bagageiro os policiais encontraram uma mochila, suspeitaram do volume e abriram. Dentro da mala foram encontrados cinco tijolos de pasta base e uma jaqueta.

Os policiais questionaram os passageiros, mas nenhum deles assumiu a propriedade da mochila, que também estava sem identificação com o bilhete de embarque. Apesar de ninguém afirmar ser o dono da mala, alguns passageiros apontaram um homem como o proprietário. Apesar de ter negado ser o dono, ele foi detido e levado para a delegacia de Cruzeiro junto com a mala. O coletivo seguiu viagem sem ele.

Na delegacia os policiais pesaram cerca de 5,134 quilos de pasta base de cocaína, que está avaliada em pouco mais de R$ 500 mil.

O homem, que já havia sido preso por tráfico de drogas, seguiu negando que era o dono da mochila. Como não havia provas suficientes para considerá-lo culpado, ele foi liberado. Ainda assim a PRF informou que instaurou um inquérito para investigar o dono da mochila.


Fonte: Meon

















Newsletter

Cadastre seu email e receba nossos informativos e promoções de nossos parceiros.


RC PLAy