Exames descartam suspeita de coronavírus em mulher de São José dos Campos

Cidade não tem nenhum caso confirmado ou suspeito sob investigação.

14 FEV 2020   |   Por Jornalismo  |   12:12
Foto: Reprodução/ Street View
Exames descartam suspeita de coronavírus em mulher de São José dos Campos
Paciente com suspeita de coronavirus foi internada em hospital particular de São José dos Campos

A Vigilância Epidemiológica de São José dos Campos descartou a suspeita de coronavírus em uma mulher de 51 anos. Com o descarte, a cidade não tem nenhum caso confirmado ou suspeito sob investigação.

 

A suspeita foi descartada com base em exames realizados pelo Instituto Adolf Lutz. Os resultados foram divulgados nesta sexta-feira (14) e as amostras biológicas do paciente apresentaram resultados negativos para o coronavírus.

 

A paciente chegou a apresentar os sintomas em janeiro após o marido retornar de viagem da China. Ela foi internada e ficou em isolamento em um hospital particular e recebeu alta no dia 30 de janeiro.

 

Além desse caso, a Vigilância Epidemiológica já havia descartado uma outra suspeita de coronavírus, de um paciente de 37 anos que apresentou sintomas após voltar de uma viagem à China. Ele ficou internado no Hospital Vivalle e teve alta no dia 31 de janeiro após apresentar melhora.

 

De acordo com o protocolo da Organização Mundial de Saúde (OMS), pacientes que apresentam quadro clínico estável, sem gravidade, não devem ficar internados. A recomendação é que eles sejam monitorados e fiquem em isolamento social até o desaparecimento dos sintomas. Isso implica em não sair de casa e evitar contatos com familiares e amigos.

 

A Vigilância Epidemiológica informou que os hospitais têm autonomia para dar alta médica aos pacientes e que orienta que, caso o paciente apresente melhora e evolução considerada satisfatória pelo médico, que pode ser liberado com recomendações de manter cuidado ou tratamento em casa.

 

Em Guaratinguetá, a Vigilância Epidemiológica descartou um caso suspeito de uma mulher de 76 anos que ficou internada no Hospital Frei Galvão com os sintomas da doença. Apesar disso, a suspeita foi descartada por não atender ao protocolo de definição de caso.

 

Fonte: G1

















Newsletter

Cadastre seu email e receba nossos informativos e promoções de nossos parceiros.