CSN deve investir R$ 1,5 bilhão em nova siderúrgica na RMVale

Unidade deve iniciar operação em 3 anos e gerar 400 empregos diretos e mil indiretos

07 JUN 2019   |   Por Jornalismo  |   08:58
Foto: Reprodução

Um município da RMVale (Região Metropolitana do Vale do Paraíba) poderá receber o investimento de R$ 1,5 bilhão anunciado pela CSN (Companhia Siderúrgica Nacional) nesta quinta-feira (6), no Palácio dos Bandeirantes, sede do governo do Estado. A nova unidade do grupo deverá gerar 400 empregos diretos e mil indiretos.

O estudo do local mais adequado para o investimento será feito pela Invest SP, mas o diretor presidente da CSN, Benjamin Steinbruch, já afirmou que a nova laminadora de aço galvanizado deverá ser instalada no Vale do Paraíba.

“Hoje em dia a gente busca a competitividade de todos os lados, então ter um polo que você possa convergir com a logística e o barateamento do custo é vital para que se viabilize uma produção integrada do setor”, disse Steinbruch durante o anúncio do investimento, ao lado do governador João Doria (PSDB).

A nova unidade da CSN no estado de São Paulo deverá ter capacidade para produzir 350 mil toneladas por ano. O grupo siderúrgico possui atualmente unidades nos estados do Rio de Janeiro (Volta Redonda), Minas Gerais (Arcos) e Paraná (Araucária).

Fomento
Este investimento é o primeiro anunciado com o apoio direto do Estado desde que o Governo do Estado anunciou, no dia 23 de maio, a criação de 11 polos de Desenvolvimento Econômico com pacotes de benefícios setoriais para a indústria. A CSN integrará o Polo Metal-metalúrgico de Máquinas e Equipamentos.

“É um investimento substantivo, que atende a perspectiva do Polo Metal-metalúrgico. É a primeira conquista já desse programa dos polos. Várias vezes ao longo desse ano teremos oportunidade de fazer anúncios”, disse o tucano.

De acordo com o governo, o objetivo do polo de desenvolvimento é fomentar e incentivar o aumento da produtividade da indústria, para atrair investimentos e impulsionar a inovação e a geração de empregos e renda, otimizando na mesma região geográfica políticas públicas que impactam direta ou indiretamente o setor produtivo.

Além do Vale do Paraíba, o Polo Metal-metalúrgico de Máquinas e Equipamentos engloba as regiões de Campinas, Ribeirão Preto, RMSP (ABC, Alto Tiete e Oeste), São Carlos, São José do Rio Preto e Sorocaba.


Fonte: Meon


















Newsletter

Cadastre seu email e receba nossos informativos e promoções de nossos parceiros.