VERSTAPPEN AUMENTA VANTAGEM NO CAMPEONATO E HAMILTON SOBE AO PÓDIO PELA 2º VEZ NO ANO

Que Verstappen quer ser campeão do mundo mais uma vez, isso todos nós já sabemos. O Grande Prêmio do Canadá terminou com mais uma sequência de vitórias da Red Bull Racing, dessa vez, com Ferrari de Carlos Sainz e Mercedes de Lewis Hamilton no pódio.

Por Desacelerando F1, por Maria Clara Araújo 21/06/2022 - 10:57 hs
VERSTAPPEN AUMENTA VANTAGEM NO CAMPEONATO E HAMILTON SOBE AO PÓDIO PELA 2º VEZ NO ANO
Desacelerando F1

Alonso foi a surpresa do fim de semana, conseguindo o segundo lugar no sábado, logo depois de Verstappen conquistar mais uma pole para o currículo. A Ferrari aproveitou que Leclerc já tinha uma punição de 10 posições por uma troca, e trocou todo o resto, largando em 18º.

 

Os detalhes importantes dessa 9º prova do calendário, você confere abaixo. 

 

Alonso prometeu que iria atacar Verstappen, mas isso não aconteceu. A liderança do holandês foi sólida, assim como sua vitória. Magnussen e Hamilton ficaram roda a roda na primeira volta, isso causou danos na asa do piloto da Haas. 

 

Sergio Perez durou apenas nove voltas em pista, a sua Red Bull apresentou problemas no motor e precisou sair da prova com um virtual safety car acionado. Aproveitando o VSF, Hamilton e Perez foram um dos primeiros a ir para a pista.

 

11 voltas mais tarde, e outro Virtual Safety Car. Dessa vez Mick Schumacher perdeu seus pontos, um problema em sua Haas o fez parar no mesmo ponto de Perez. 

 

O pneu já estava gasto, e a volta 42 já estava se aproximando. Leclerc estava com os mesmos pneus desde o começo da prova, e a Ferrari não tinha chamado ainda para o box. 

 

Sainz tentava lutar pela sua liderança em P1, e quem sabe até sua primeira vitória na Fórmula 1. O piloto não tem uma vitória de 1º lugar, e nem uma pole position em todos esses anos. 

 

A McLaren deixou todo mundo em dúvidas do que estavam pensando dessa corrida, quiseram fazer um duplo pit stop e não deu muito certo.

 

O público pode se recordar das brigas entre Max e Lewis que faziam a gente ficar sem fôlego. Na volta 44, quando Max voltava dos boxes, ele encontrou Lewis na saída e ficaram roda a roda praticamente. Verstappen saiu da liderança e ficou uma volta atrás de Hamilton depois de sair atrás dele.

 

Voltas depois e outro Safety Car, desta vez foi Yuki Tsunoda quem causou o carro de segurança. Em uma pequena “bobeada” do piloto, ele foi direto para a barreira e foi mais um fim de prova. 

 

17 pilotos em pista, e 52 voltas com Verstappen, Sainz e Hamilton formando o top 3. Alonso estava em P6, Leclerc que tinha saído do fundo do grid estava em p7. 

 

A tensão estava presente no público, box das equipes e nos próprios pilotos. Max e Sainz ficaram duelando pelo P1, mas acho que vocês já sabem quem venceu, não é mesmo? 

 

Max Verstappen venceu pela primeira vez o Grande Prêmio do Canadá, Carlos Sainz bateu na trave com sua vitória de primeiro lugar, mas quem vai para Silverstone feliz é Lewis Hamilton. De 9 corridas, o piloto foi ao pódio pela 2º vez, quem diria que depois de tudo que vimos no ano passado, cenas como essa seriam comuns?

 

Algumas horas depois e Alonso foi penalizado, ele caiu para 9º lugar e os fãs colocam a culpa na Alpine pelo erro. 

 

Vejo vocês em Silverstone, no dia 02 de Julho para mais uma etapa da Fórmula 1. 


Instagram: @desacelerando.f1

Twitter: @desacelerandof1


Texto: Maria Clara Araújo
















Newsletter

Cadastre seu email e receba nossos informativos e promoções de nossos parceiros.